Imagem 1 Imagem 2 Imagem 3

Cintilografia Miocárdia

  • Cintilografia Miocárdia


    cintilografia de perfusão miocárdica é o principal exame realizado neste setor. Trata-se de um procedimento não invasivo de grande importância para o diagnóstico e estratificação de risco nos casos em que há suspeita de doença arterial coronariana. As informações obtidas a partir desse exame tornam mais seguras as tomadas de decisões, sendo freqüentemente o divisor de águas entre a opção pelo tratamento clínico (conservador) ou a adoção de uma conduta mais agressiva como o encaminhamento do paciente à coronariografia (cateterismo cardíaco) que por sua vez irá definir a necessidade de realização de uma angioplastia ou mesmo cirurgia de revascularização do miocárdio. Por vezes, mesmo naqueles pacientes já previamente submetidos a um desses procedimentos invasivos, o exame faz-se necessário, acrescentando informações de caráter funcional.

    O setor de medicina nuclear da Fundação Bahiana de Cardiologia conta com uma equipe de profissionais com especialização em Cardiologia Nuclear em centros de referência como São Paulo e Estados Unidos. É equipado com duas salas de ergometria e duas gama-câmaras, ambas com tecnologia especialmente desenvolvida para a realização de exames cardiológicos. Uma das gama-câmaras, da marca Philips, recentemente adquirida, é equipada com o que há de mais moderno na especialidade.


    Horário de Atendimento: Segunda a Quinta-feira, das 07:00h às 17:00h.
    Atendimento: 71 2102-8626 - Falar com Patrícia ou Sandra.
    Localização: Térreo


  • Orientações Gerais


    O exame é realizado em duas etapas, em dois dias.
    O tempo de duração do exame é variável, esteja preparado para permanência de 2 a 4 horas.
    Nos dias do exame você deve alimentar-se normalmente, dando preferência a refeições leves e de fácil digestão. Os seguintes alimentos estão proibidos na véspera e nos dias do exame: CAFÉ, CHÁ, CHOCOLATE, BANANA E REFRIGERANTES.
    Traga ou venha vestido com roupa confortável, apropriada para o exercício, calçando tênis ou sapato com sola de borracha. Se for sensível ao frio traga um agasalho.
    Traga os resultados de exames cardiológicos anteriores. Se já foi submetido a angioplastia ou cirurgia cardíaca traga os relatórios.
    Para fazer a cintilografia miocárdia não é necessário suspender as medicações de uso contínuo como remédios para o coração, hipertensão, diabetes ou colesterol por exemplo.
    Se houver necessidade de usar algum analgésico nos dias do exame, evite aqueles que contenham cafeína. O exame é realizado em duas etapas, em dias consecutiv

  • Etapas


    Para realização da cintilografia de perfusão miocárdica em geral o paciente necessita realizar um teste ergométrico ou caso não tenha condições, este é substituído por uma medicação que “simula” o esforço (teste farmacológico). Por isso, o procedimento pode ser realizado por pacientes com dificuldade de locomoção.

    O exame consiste na administração ao paciente de uma substância emissora de radiação chamada radiofármaco. O radiofármaco uma vez administrado por via venosa distribui-se pelo coração proporcionalmente ao fluxo sanguíneo nas artérias coronárias. Posteriormente, através do aparelho conhecido como gama-câmara, é feito o mapeamento da distribuição dessa substância nas diversas regiões do coração, identificando assim áreas em que há alguma deficiência de circulação coronariana e, portanto sob risco de infarto.